Notícias: Se Ligue na Rede: Sanepar conclui primeira etapa de vistorias

on 27/08/2010 - 13:12 1828 reads A Sanepar, em parceria com a Prefeitura de Tibagi, concluiu a vistoria da primeira etapa do programa Se Ligue na Rede, que percorreu o centro e bairros próximos. A ação visa assegurar que o esgoto seja devidamente coletado e tratado, evitando a poluição ambiental e, assim, contribuir para a melhoria da qualidade da água dos rios do Paraná. Para isso, foram realizadas visitas técnicas nos imóveis, com orientação e fiscalização sobre as interligações de esgoto.

Os trabalhos em Tibagi tiveram início em julho. Em um mês, 62 ligações irregulares foram identificadas, conforme conta Moacyr Machado, da Sanepar na cidade. “Como Tibagi cresceu de forma planejada, a maioria das residências está corretamente ligada à rede de esgoto. As situações irregulares que encontramos foram em boa parte de ligações com tubulação quebrada”, avalia. A segunda etapa da fiscalização vai ser nos bairros mais distantes do centro.



“Primeiro fazemos um check-up nos bueiros e bocas de lobo com o uso da fumaça. Depois, mediante autorização dos moradores, aplicamos um corante nas saídas das tubulações para acompanhar o percurso do esgoto”, explica. Uma equipe de seis funcionários percorreu as ruas centrais, todos sempre identificados com uniforme da Sanepar e crachá.

Segundo Moacyr, o Programa Viva a Natureza Se Ligue na Rede objetiva a legalização das ligações das residências na rede coletora de esgoto e da de chuva na rede pluvial, que é administrada pela Prefeitura. “A rede coletora de esgoto serve de caminho para o esgoto doméstico, como água do chuveiro, vaso sanitário, pias da cozinha e tanque, chegar até a Estação de Tratamento de Esgoto para ser tratado e liberado no rio dentro dos padrões de qualidade que impeçam a contaminação”, pontua. Já a água da chuva de calhas e drenos de terrenos deve ser enviada à rede pluvial para que seja liberada diretamente no rio, pois não precisa de tratamento.



“Quando liberamos a água da chuva na rede de esgoto, estamos aumentando o fluxo de água numa rede que não comporta este volume e muitas vezes podemos ocasionar entupimentos e o retorno do esgoto para as residências. Da mesma forma, se liberamos esgoto na galeria pluvial, contaminamos a água que vai direto ao rio e causamos o mau cheiro que exala de bueiros, além da proliferação de ratos, baratas e moscas”, alerta a gestora em Meio Ambiente da Sanepar Silvia Beatriz, enfatizando que por isso é muito importante que todas as pessoas façam a ligação correta de suas casas.

Ela destaca que uma nova visita nas residências onde foi constata irregularidade será realizada com a finalidade de esclarecer a forma correta de fazer a instalação e prazo para correção. “Quem não regularizar, poderá receber pena administrativa pela Secretaria de Saúde através da Vigilância Sanitária”, informa.

Santa Paula libera 50 ligações

Moacyr Machado também ressalta que com as obras de infraestrutura da Prefeitura no bairro Santa Paula, a Sanepar liberou 50 pontos de ligações de esgoto nas ruas pavimentadas.


Texto: Emanoelle Wisnievski com Agência Estadual de Notícias
Imagens: Christian Camargo